quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Lucid Dreams – “Build And Destroy” – 2015 – Independente (Importado)

Para quem ainda não conhece, o Lucid Dreams é formado por músicos experientes do cenário metálico mundial, com passagens por bandas como Natt, Trail of Tears, Tristania, Trendkiller, entre outros projetos e grupos. Há 2 anos a banda lançou seu debut auto-intitulado e trouxe uma sonoridade focada no Heavy Metal com flertes com o Prog.

O novo disco, este “Build And Destroy”, mostra uma evolução natural em relação ao trabalho anterior, mantendo a essência e adicionando novos elementos. Com o line-up intacto desde a fundação da banda em 2007, o grupo mostra coesão e consistência acima da média.

Na faixa de abertura Wings of the Night, tudo parece normal, com um Power Metal típico, se utilizando de melodia e velocidade constantes. Mas, durante a audição de todas as oito composições há versatilidade, o que torna algo agradável. Isso já pode ser notado na segunda faixa Hellbound e sua pegada Hard/Classic Rock.

O Lucid Dreams se mostra bem em baladas pesadas e aqui prova isso com Absence of Innocence, onde surpreendentemente o vocalista Freddy Vain se mostra mais agressivo e versátil. Os arranjos de teclados também são ótimos, dando um clima sombrio à música. Outro destaque do trabalho é Eye of the Storm e sua veia Prog/Melodic.

“Build And Destroy” parece um disco comum na primeira audição, mas a cada ouvida encontram-se mais coisas interessantes. Há composições com mais pegada e ‘feeling’ e outras mais superficiais, porém o resultado final é acima da média. Sem contar a bela embalagem digipack e a produção de primeira linha a cargo do guitarrista Rune Gutuen com mixagem e masterização de Fredrik Nordström.


8,5

Vitor Franceschini



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records